13 de maio de 2018

Aline e Paulo

Do primeiro wpp, do primeiro olá, do primeiro olho no olho, tudo se tornou imediatamente especial. Sei lá porque algumas histórias nos encantam. A tal da empatia. De se colocar no lugar e sentir uma afinidade louca. A moça linda q venceu por mérito próprio. Q sentiu medo de não conseguir, mas não me deixou dúvida, em momento algum, de q conseguiria e seria ainda mais do q planejava. A luta dela se tornou nossa. Ele, cúmplice e companheirão. De risada fácil e entusiasmo na alma. Ajudava em cada escolha e, juntos, escreviam o roteiro de um lindo dia de príncipe e princesa, o q é clichê de dizer, mas raro de se ver genuinamente. 

O carinho cresceu e se multiplicou, diria q se tornou pleno. Eu torcia por cada passo, vivia um pouco daquele sonho. Incentivei o q parecia um passo maior  q a perna. Com o q eu conhecia do mundo, pessoas, noivos e noivas, afirmei, sem medo nenhum, q daria certo. E deu! Mais q deu! Foi memorável. Um dia de olhos brilhando sem fim. Um dia de risadas deliciosamente barulhentas. Um dia q agradeci com força. Um dia q eu e eles precisávamos q fosse assim, com todas as vírgulas, reticências, pingos nos is e exclamações, um mooonte de exclamações!!!!!.

Das pessoas com quem esbarramos, as melhores são aquelas q desejamos q permaneçam ao nosso lado. Eu adoro gente q parece a gente. Gente q fala com verdade e espontaneidade. Gente q confia, apenas pq o coração mandou e a fez sentir q ali tinha um porto seguro. Gente q se entrega. Gente q luta, q grande apreço tenho por quem faz acontecer e não espera acontecer. Amo gente q ama. Amo gente q faz bem pra gente. Amo Aline e Paulo. Agradeço a eles por todo o clima daquele casamento. Foi tão especial, q poucas vezes vi um time de profissionais q só tecia elogios, como ocorreu naquela segundona mais linda e abençoada. Parecia q td mundo tava feliz. E acho q foi isso mesmo, a sintonia de um dia feliz! Q nossos dias sempre nos reservem mais experiências assim!

Fotos: Dois Cliques